Regras para classes de bônus em seguros de Automóveis

É comum recebermos na Appunto Corretora o pedido de renovações de apólices que já venceram, há alguns dias….ou até meses…, isto é não foram renovadas imediatamente após o vencimento do periodo segurado. Nestes casos, além da necessidade de vistoria do veículo, existem regras específicas que podem variar entre seguradoras e que levam desde a manutenção até a perda total dos bônus adquiridos.

Vamos apresentar neste post as regras da Porto Seguro Seguros que é a lider no segmento de seguro de automóveis.

Para o cálculo da clsse de Bônus é imprescindível considerar os sinistros de casco, acessórios, carrocerias, equipamentos especiais, RCF-V, APP, e deverão ser deduzidas tantas classes de bonus quantos forem os sinistros indenizados. Será necessário considerar a classe de bônus da apólice que esta sendo renovada para aplicar a regra de bônus.

Esta regra é cumulativa com as demais previstas para a concessão da classe de bônus e considera-se a regra que for mais agravante – Veja outros posts em nosso site.

Vamos dar o seguinte exemplo para ilustrar: Um apólice com classe de bônus 3 (o veículo havia ficado 3 anos sem acidentes) será renovada após 120 dias de seu vencimento e vamos ainda consideerar que tenha ocorrido um sinistro. Pela regra A seria reduzida 1 classe , mas pela regra B seriam reduzidas 3 classes. Como considera-se a regra mais agravante este veículo seria renovado sem bônus.

REGRA A – RENOVAÇÕES APÓS O VENCIMENTO

Período de Renovação (dias corridos)

Aplicação da Classe de Bônus

Até 30 dias do vencimento da apólice

Conceder 1 Classe

Até 60 dias do vencimento da apólice

Manter a Classe

Até 120 dias do vencimento da apólice

Reduzir 1 Classe

Até 180 dias do vencimento da apólice

Reduzir 2 Classes

A partir de 181 dias do vencimento da apólice

Excluir a classe de Bônus

 

REGRA B – INDENIZAÇÃO DO VEÍCULO SEGURADO

Período de contratação da nova apólice Após a liquidação do sinistro

Aplicação da Classe de Bônus

Até 30 dias

Reduzir 1 classe

Até 60 dias

Reduzir 2 classes

Até 120 dias

Reduzir 3 classes

Até 180 dias

Reduzir 4 classes

A partir de 181 dias

Excluir a classe de Bônus

 

REGRA C – SEGUROS COM VIGÊNCIA INFERIOR A 01 ANO

Vigência

Aplicação da Classe de Bônus

Superior a 335 dias (inclusive)

Conceder 1 Classe

Inferior a 335 dias

Manter a Classe

Esta regra deverá ser aplicada também em caso de renovação de apólice antes do vencimento e deverá ser utilizado somente 01 vez.

REGRA D – CANCELAMENTO DA APÓLICE POR FALTA DE PAGAMENTO DO PRÊMIO OU POR INICIATIVA DO SEGURADO

Período de Reativação da apólice

Após a data de emissão do endosso de cancelamento

Aplicação da Classe de Bônus

Até 30 dias

Manter a Classe

Até 60 dias

Reduzir 1 Classe

Até 120 dias

Reduzir 2 Classes

Até 180 dias

Reduzir 3 Classes

A partir de 181 dias

Excluir a classe de Bônus

 

REGRA E – TRANFERÊNCIA DE DIREITOS E OBRIGAÇÕES

Na tranferência de direitos e obrigações exclui-se o bônus.

Entretanto admite-se a tranferência de bônus nas seguintes situações:

  • De pessoa jurídica para pessoa física quando o novo segurado for diretor, gerente ou sócio da pessoa jurídica com comprovação somente pelo contrato social.
  • Entre conjuges quando o vínculo for devidamente comprovado por cerltidão de casamento ou contrato de união estável.
  • Entre pais e filhos, inclusive adotados e enteados, Quando o vínculo for devidamente comprovado pela certidão de nascimento ou documento de identidade. Em se tratando de enteados é necessário adeclaração do segurado. A classe de bônus deve ser compatível com a idade do filho.

 

REGRA F – CLASSES DE BÔNUS EM FUNÇÃO DA IDADE DO SEGURADO (CASOS DE TRANSFERÊNCIA)

Idade do novo segurado em anos

Classe máxima de bônus a ser concedida

18 anos

0

19 anos

1

20 anos

2

21 anos

3

22 anos

4

23 anos

5

24 anos

6

25 anos

7

26 anos

8

28 anos

9

Mais de 28 anos

10

Written by

32 Comments to “Regras para classes de bônus em seguros de Automóveis”

  1. silvio fagundes de faria disse:

    ola bom dia …fiz o seguro total do meu carro que teve inicio da cobertura no dia 21/11/2011 e vencia no dia 21/11/2012 a renovacao da apolice vencia dia 26/11/2012 por erro do bank line nao consegui efetuar o pagamento da primeira parcela no valor vde 165,00 entao entrei em contato com a seguradora eela me informou que geraria um novo boleto e enviaria para o meu endereco ate o momento nao recebi e no dia 16 de dezembro tive um acidente no qual tive a perda total do veiculo ,e no dia 19 de dezembro 2012 recebi um telegrama da seguradora informando de que meu pedido de renovacao nao seria aceito e de que o seguro de meu carro se encerraria dois dias apos o recebimento dessa mensagem .e agora tenho ou nao direito ao sinistro ,sendo que eles estao me informando de que nao tenho direito a nada

    • bobloiacono disse:

      Prezado Silvo Faria,

      Agradecemos por ter visitado o Blog Seguro e pela confiança.

      Primeiramente acreditamos que tenha havido falha de seu corretora de seguros, pois todo corretor sabe que o pagamento da primeira parcela é que caracteriza a intenção do cliente em fazer o seguro.

      Quando houve a falha no pagamento que vencia em 26/11/2012, V.Sa. deveria ter comunicado seu corretor – que em geral também recebe aviso da seguradora sobre a ausência do pagamento da apólice – para que ele providenciasse a emissão do novo boleto ou ainda melhor, o pagamento em cheque na sucursal da Seguradora. Deveria ter sido feito um acompanhamento diário para saber se o boleto havia sido entregue e aguardado no máximo 5 dias úteis.

      Ficam aqui as dúvidas: Será que o boleto foi emitido pela seguradora ? Houve número de protocolo da solicitação ? Pode ter havido extravio por parte do Correio ? Por que seu corretor não gerou a segunda via do boleto ?

      V.Sa não informou quando comunicou à seguradora o sinistro ocorrido em 16/12/2012. Imagino que tenha comunicado em 17/12/2012, dia seguinte ao acidente. A Seguradora verificou que não havia sido feito o pagamento da primeira parcela no vencimento normal (26/11/2012) e também no boleto com prazo prorrogado e consequentemente negou a aceitação do seguro através do telegrama.

      As seguradoras possuem prazo determinado por lei para análise e rejeição do seguro de até 15 dias da transmissão da proposta. Uma outra hipótese é que seu seguro já tivesse sido rejeitado pela seguradora, em função do não pagamento da primeira parcela.

      A questão que deixa dúvida é o texto do Telegrama que V.Sa recebeu em 19/12/2012 “o seguro se encerraria 2 dias após o recebimento do telegrama”. Creio que há uma “brecha”que pode ser utilizada contra a seguradora, mas V.Sa. terá que fazê-lo através de processo judicial. Se o valor do veículo for de até 20 salários mínimos a ação pode ser feita no Juizado Especial Cível e não há necessidade de advogado, mas se o valor for superior, ação deverá ser no Juizado Cível e através de advogado.

  2. daniel fernandes disse:

    Boa noite, percebi que seu site é bem idoneo, entao gostaria que se possivel esclarecer algumas duvidas insatisfatorias que tenho,.. bom eu tenho um seguro no qual era de um carro e a um ano foi transferido para uma moto de porte grande e seria classe 9 agora no proxima renovacao, entao em novembro de 2012 nao renovei porque eu iria passar para meu carro , mas o mesmo demorou 2 meses para chegar, mas quando perguntei a minha corretora sobre as classes de bonus , a mesma me disse que eu perderia apenas 1 ate 90 dias, entao nao renovei, agora meu carro chegou e fechei com uma outra corretora, e absurdamente ela me informou que das 9 classes eu nao receberia a classe 9 entao cairia para 8 e devido a nao renovacao de quase 70 dias tirou uma classe caindo para 8 e como é de moto transferido para carro é retirado mais duas, resumindo cai para a classe 5, isso é correto….
    obrigado pela atencao no aguardo

    abs

    • bobloiacono disse:

      Prezado Daniel Fernandes,

      Agradecemos por ter visitado o Blog da Appunto Corretora de Seguros e pos sua confiança.

      Após recebermos complemento de sua pergunta, informando que a Seguradora Anterior era a Porto Seguro e a seguradora atual é a Liberty Seguros poderemos esclarecer sua dúvida.

      1 – Quando você perguntou para sua primeira corretora quantas classes de bônus você perderia ela respondeu erroneamente (até 90 dias) , pois pela regra da Porto Seguro você perderia 1 classe se renovasse até 120 dias do vencimento (Página 08 do manual de condições auto de 01/01/2013).

      2 – Quando você mudou de corretor e transferiu o seguro para a Liberty passaram a vigorar as regras de bônus desta seguradora, que são diferentes da Porto Seguro:
      2.1 – Com relação ao vencimento a regra de bônus é igual a da Porto Seguro – entre 61 e 120 dias existe perda de 1 classe bônus.
      2.2 – Com relação a mudança da categoria de veículo (de moto para automóvel): Na Liberty Seguro existe a perda de 2 classes de bônus quando se troca da categoria de moto para outras (página 62 do manual auto Liberty versão Outubro/2012).

      No seu caso o veículo estava na classe 8 e no momento da renovação (sem acidentes) seu Bônus deveria ir para a classe 9. Note que mencionamos “deveria” pois Liberty quando existe troca da categoria do veículo aplica as regras de redução sobre a classe de bônus que esta sendo renovada ou seja classe 8.

      Desta forma com a troca da categoria os descontos seriam aplicado sobre a classe que esta sento renovada 8, descontada 1 classe por causa da data de vencimento e descontadas 2 classes por causa da troca de categoria de moto para auto, seu veículo deveria ser enquadrado como classe de bônus 05.

      Esperamos ter esclarecido sua dúvida e colocamo-nos à disposição.

  3. Julio Nogueira disse:

    Olá
    Eu tenho seguro desde janeiro de 2009, quando começei cobrindo uma moto. Em junho de 2012, já com Bonus classe 3, comprei um carro e fiz a migração para o novo veículo no meio da vigência.
    Em janeiro de 2013, venceu a apólice, feita inicialmente para a moto e transferida para o carro em junho, entretanto, para a renovação em janeiro desse ano, minha classe de bonus caiu para 1 novamente. O corretor alega que na transferência de seguro de moto para carro, eu perco 2 classes de bonus, o que eu não concordo mas não sei se existe realmente alguma regra nesse sentido. Além disso, existe o fato de que minha apólice já era Bonus 3, e a próxima seria 4, não seria o caso de se computar a perca de 2 classes sobre a classe 4, e não 3? Entendo que a classe de bonus é concedida ao fim de uma vigência sem sinistros, o que pela lógica resultaria numa classe 2 atualmente.
    Desde já agradeço a atenção

    • bobloiacono disse:

      Prezado Julio Nogueira,

      Agradecemos sua visita ao site da Appunto Corretora de Seguros.

      Você nos informou que a seguradora em seu caso é a Porto Seguro e fornecemos nossa resposta com base nas Condições Gerais de 01/02/2013.

      Se o seu veículo esta na classe 3 e não sofreu nenhum acidente na vigência da apólice no momento da renovação a classe “deveria” ir para 4. A Porto Seguro e outras (algumas possuem regras um pouco diferentes) consideram para realizar os cálculos de redução a classe que esta em vigor. Segue texto na íntegra retirado da página 9 do manual:

      “Importante: Considerar sempre a classe de bônus da apólice que esta sendo renovada para realizar a(s) redução(ções) da(s) classe(s)”.

      Esta correto a redução de 02 classes quando se modifica a categoria tarifária. No seu caso de categoria tarifária 30 (moto) para 10 (automóvel).

      O cálculo de redução de 02 classes será feito sobre a Classe 3 (não sobre a classe 4 como seria lógico), resultando em classe 1.

      Esperamos ter esclarecido sua dúvida.

  4. No caso de um outro veículo colidir com o meu e não possuir seguro, como fica o acionamento da minha franquia? Como devo cobrar ou o custo da franquia ou deve ser cobrado pela seguradora junto ao valor total de conserto do meu veículo ao culpado?

    • bobloiacono disse:

      Prezado André Luis,

      Agradecemos sua visita ao site da Appunto Corretora de Seguros.

      Se um veículo colidir com o seu, e não possuir seguro, você deverá acionar o seu seguro e pagar a franquia para que o conserto seja feito. Exceto se houver perda total do veiculo, neste caso não haverá o pagamento da franquia.

      Você é quem deve pagar a franquia para a seguradora e dependendo da seguradora o valor pode ser parcelado.

      Quando você aciona o seguro de seu carro você sub roga os direitos para a seguradora….Explicando melhor, você transfere para a seguradora os direitos para que ela acione o proprietário do veículo e se ressarça dos valores que ela gastou no conserto do seu carro.

      Você também pode mover uma ação no juizado de pequenas causas para que o proprietário do veículo lhe ressarça o valor que você pagou pela franquia, mas você não poderá pedir os valores do conserto do carro pois estes serão de direito da seguradora.

      Atenção, cuidado quando o proprietário do outro veículo lhe faz uma proposta do tipo “eu lhe pago a franquia, você assume a culpa e conserta o seu carro e o meu !” . Esta é uma prática muito comum, que nos dias atuais pode prejudicar o segurado (você) caso a seguradora descubra esta negociata, que é considerada FRAUDE.

      Em resumo: Pague a franquia, conserte seu carro. Se o valor da franquia for alto vá ao juizado de pequenas causas e solicite abertura de processo para restituição do valor. Não é necessário advogado e não há custo.

  5. Joao Pimenta disse:

    Tenho bonus classe 4, mas meu carro está na oficina e acho que vai dar perda total. Estou sem carro ha algum tempo e quero comprar outro antes de receber a indenização do seguro. Quando for realizar o seguro novo para o novo carro poderei usar o meu bonus? ou perderei tudo? ou para usar o bonus terei que esperar receber a indenização?.
    Obrigado

    • bobloiacono disse:

      Prezado João Pimenta,

      Obrigado por visitar o site da Appunto Corretora de Seguros.

      Como você não informou qual a seguradora que deetém o seguro de seu carro, tomarei como base as informações da Porto Seguro Seguros que é lider no segmento de automóveis.

      Conforme página 8 do manual de Condições Gerais – edição de Fevereiro/2013. No caso de Indenização Integral, acompanhe a baixo o prazo em dias e a quantidade de bônus perdidos, tomando como base a data da liquidação do sinistro (do pagamento da indenização):

      Renovação em até 30 dias – Reduzir 1 classe de bônus
      Renovação em até 60 dias – Reduzir 2 classes de bônus
      Renovação em até 120 dias – Reduzir 3 classes de bônus
      Renovação em até 180 dias – Reduzir 4 classes de bônus
      Renovação a partir do 181 dia – Exclusão do bônus

      Respondendo suas perguntas:

      - Sim você poderá usar seus bônus na seguradora atual ou em outra seguradora, mas no mínimoperderá uma classe.
      - Você deverá esperar a liquidação do sinistro para transferir o seguro para novo veículo e consequentemente aproveitar os bônus.

  6. Geraldo Pimenta disse:

    Prezado,
    Muito interessante as informações prestadas.
    Minha dúvida é quanto a classe de bônus.
    Na minha apólice consta classe 5, venceu em 8/11/12.
    Iria para classe 6, pelo que entendi se eu renovar até 8/5/2013, só vou perder 2 classes de bônus, desta forma meu seguro deverá ser cotado como classe 3 e vou para classe 4.
    O Sr. acha que minha interpretação esta correta?
    Tem alguma legislação que trata deste assunto?

    Antecipo os agradecimentos!

    • bobloiacono disse:

      Prezado Geraldo Pimenta,

      Agradecemos seus elogios. Para nós é uma satisfação atender nossos clientes.

      Sim você copreendeu perfeitamente a regra de bônus que descrevemos em nosso site, e esta regra refere-se à Porto Seguro que é a seguradora referência em seguro de Automóveis. Outras seguradoras podem ter procedimentos diferentes, portanto pode haver diferenças no momento da renovação. Sugerimos que você faça a cotação de renovação de seu veículo com antecedência.

      Voltando ao seu cálculo: Para renovações em até 180 dias haverá perda de 02 classes de bônus. No seu caso haverá redução da classe 5 para a classe 3 e no momento da próxima renovação você poderá ir para a classe 4, se não houver acidentes (sinistros).

      Em tempo, considerando-se as datas de vencimento 08/11/2012 e a data que planeja renovar o seguro 08/05/2013 decorrem 181 dias. Novamente recomendamos que você cote o seguro antecipadamente para não perder o prazo de 180 dias.

      Caso queira fazer cotação com a Appunto Corretora sem nenhum compromisso, baixe o formulário de cotação de seguro de auto (clique neste link), preencha e envie para o e-mail contato@appunto.com.br.

  7. Marcelo disse:

    Tenho um seguro com uma corretora X e vou efetuar o cancelamento por venda do veículo.
    Quero utilizar a bonificação da apólice a ser cancelada, em outro seguro de veículo, que está em uma segunda corretora (Y).
    É possível a transferência da bonificação entre corretora, resguardando a titularidade da apólice (ou seja, o segurado é o mesmo das duas apólices)?
    Agradeço desde já

    • bobloiacono disse:

      Prezado Marcelo,

      Será um prazer ajudá-lo em sua dúvida. Agradecemos também sua visita ao site da Appunto Corretora de Seguros.

      Primeiramente vale esclarecer que os bônus pertencem ao segurado e não ãs corretoras de seguro, e portanto o segurador pode transferi-los para a Seguradora que desejar. O Corretor de seguros deve orientar seu cliente sobre as melhores seguradoras para o veículo/modelo e serviços – adequados à necessidade de seu cliente.

      Apesar de existir aceitação de bônus entre as seguradoras, não existe a possibilidade de soma de bônus de apólices diferentes. Vamos esclarecer com exemplo usando sua situação:

      Seguradora x – Possui seguro de veículo VW-GOL com classe de bônus 10
      Seguradora y – Possui seguro de veículo FIAT-UNO com classe de bônus 2

      O proprietário do veículo/segurado decide vender o veículo que que esta na Seguradora X e quer saber se pode transferir os bônus para a Seguradora Y, aumentando o desconto que receberia na renovação do seguro.

      Com a venda do veículo VW-GOL que estava na Seguradora X não existe a possibilidade de transferência dos bônus para o veículo FIAT-UNO que esta na Seguradora Y pois tratam-se de apólices diferentes. Neste caso o Corretor de Seguros experiente orientará seu cliente (considerando preços e outros fatores que envolvem as Seguradoras X e Y) se valerá a pena cancelar o seguro na Seguradora Y e levar o FIAT-UNO para a Seguradora X onde havia a maior quantidade de bônus.

      Esperamos ter esclarecido sua dúvida e colocamo-nos à disposição para cotação de seguros de seus veículos.

  8. IRLAN disse:

    BOM DIA.PRIMEIRO QUERO PARABENIZAR O SITE POR QUE É UMA ÓTIMA FERRAMENTA PARA TIRAR DÚVIDAS SOBRE SEGURO.TENHO UMA DÚVIDA.TENHO VEÍCULO DE PASSEIO COM CLASSE DE BÔNUS 4 E COMECEI A TRABALHAR COMO TAXISTA MUDANDO A CATEGORIA DO VEÍCULO PARA ALUGUEL.QUANDO FUI FAZER A RENOVAÇÃO NOTEI NA APÓLICE QUE MINHA CLASSE DE BÔNUS PASSOU PARA CLASSE 2 E NÃO CLASSE 5.EU NUNCA UTILIZEI O SEGURO EM SINISTRO. GOSTARIA DE SABER DO SENHOR SE FOI UMA POSSÍVEL FALHA DO SISTEMA OU QUANDO MUDA A CATEGORIA PARA ALUGUEL PERDE OS BÔNUS.AGUARDO UMA RESPOSTA E DESDE JÁ MUITO OBRIGADO.

  9. Celso disse:

    Bom dia , parabens pelo site e agradeceria que sanasse a minha duvida , como segue :
    Tenho um seguro que venceu em 30/05/2013 e como estou revalindo o seguro este mes julho/13 , fui informado que perdi a classe de bonus a que iria fazer jus = bonus 1 , pois tinha que fazer a renovação em 30 dias.
    Sendo assim, renovando o seguro na mesma seguradora , antes de completar 60 dias, não terei direito ao bonus 1 ?
    Pergunto = é correto essa informação?
    Obrigado

    • bobloiacono disse:

      Prezado Celso,

      Pedimos desculpas pela resposta em atraso, pois seu e-mail foi direcionado para uma outra caixa postal.

      Se o seguro de seu auto venceu em 30/05 e você fez a renovação até 30/07 (60 dias) você manterá a classe de bônus que possuía, isto é classe Zero. Veja matéria à respeito em nossa pagina Regras para Classes de bônus.

      Esta é uma regra geral seguida pelas seguradoras, mas pode ser que alguma adote um critério diferente. Como você não informou a seguradora não pudemos consultar o manual de condições gerais específico para seu caso.

      Conte com a Appunto para seus próximos seguros.

  10. Thatiane disse:

    Olá boa tarde,

    Prezados, a cerca de 4 anos faço renovação do meu seguro sem nenhuma vez teve sinistro algum. Gostaria de saber qual é o bônus que eu perco ao aciona-lo?
    Minha franquia é de R$900,00 reais e meu prejuízo é de R$790,00. Aparentemente não compensa acionar o seguro, mas qual é o tal bônus perderia, será que vale mesmo a pena fica sem carro por conta de R$110,00, sem falar das desvantagens de tal bônus.

    Obrigada.

    • bobloiacono disse:

      Prezada Thatiane,

      Agradecemos sua visita ao site da Appunto Corretora de Seguros e pela oportunidade de responder sua dúvida sobre bônus de seguros.

      Sugerimos que você leia matéria em nosso Site O QUE É BÔNUS DE SEGURO DE AUTOMÓVEIS (Clique Aqui)
      .

      Se você esta 4 anos sem acidentes você deve estar no bônus 4 e irá para o bônus 5. Isto significa que em sua próxima renovação você deverá ter um desconto de 30% (limite máximo) que é bastante vantajoso e reduz o valor do prêmio (quanto você vai pagar pelo seguro).

      É importante destacar que “Franquia” é o valor que você terá que pagar para a seguradora como participação do segurado….não é um valor que você receberá. A franquia é justamente criada para que a seguradora não tenha que arcar com os pequenos danos ao veículo o que encareceria muito o valor do seguro dos veículos.

      Neste caso a Franquia do seguro é de R$ 900,00 e o dano causado ao veículo é de R$ 790,00….é obvioque você deve arcar com o prejuízo (R$ 790,00), consertar o carro por sua conta e não acionar a seguradora. isto trará vantagens em sua próxima renovação.

      Conte com a Appunto Corretora para cotar a renovação de seu seguro.

  11. Vinícius disse:

    Prezados,
    Possuo classe de bônus 10 (dez), vendi meu veículo e estou prestes a cancelar seu seguro. Entretanto, a previsão de entrega do veículo substituto (já encomendado) superará, eventualmente, os 180 dias após os quais perderei direito ao referido bônus integralmente.
    Possuo ainda uma motocicleta segurada (com vencimento nos próximos dias), em cuja apólice eu figuro com classe de bônus 3. Entretanto, a empresa contratada para o veículo recém-vendido não realiza seguros de motocicleta.
    Pergunto: o que pode ser feito para que eu não perca o direito à classe de bônus 10?
    Imaginei separar o seguro do veículo do de responsabilidade civil, utilizando a classe de bônus 10 para a renovação (ou contratação) deste último. Isso seria possível? Há alternativa mais interessante que pode ser adotada?

    • bobloiacono disse:

      Prezado Vinícius,

      Agradecemos sua confiança na Appunto Corretora para ajudar em sua dúvida sobre bônus de seguro de automóveis.

      Primeiramente recomendamos que você leia nossa matéria – Regras para classe de Bônus.

      Vai uma dica…Se você renovar seu seguro em até 180 dias do vencimento da apólice você perderá 2 classes de bônus. Somente a partir do 181º dia de vencimento da apólice é que você perderá todos os bônus. Deste modo tente com a concessionária a entrega do veículo dentro deste prazo.

      O bônus acompanha o segurado e desta forma você poderá mudar de seguradora que suas classe de bônus serão mantidas.

      A sugestão para utilizar os bônus do seguro de auto na Motocicleta poderá ser feito. Ao final do seguro da motocicleta não faça a renovação. Faça então a cotação do seguro da Motocicleta em seguradora que aceite este risco e faça a utilização dos bônus de classe 10 do seguro de automóvel. Quando existe a troca de categoria tarifária de automóvel (10 (nacional) ou 11 (importado)) para categoria tarifária de motocicleta (30 (nacional) ou 31 (importada)) haverá perda de 2 classes de bônus passando então de 10 para 8. Considere que você também perderá os 3 bônus do seguro da Motocicleta.

      Não é possível no Seguro de Automóvel fazer a separação da cobertura básica (incêndio, raio, explosão, furto, roubo) da cobertura Responsabilidade Civil Facultativa.

      Esperamos ter ajudado. Caso necessite de cotação para efetuar a troca, oferecemos os Serviços da Appunto Corretora através do e-mail contato@appunto.com.br .

  12. bruna disse:

    Prezados,
    gostaria de saber qual é o ônus real do consumidor na perda dos bônus de seguro de automóvel?
    compreendi que cada seguradora faz seus manuais e normais, contudo, penso, que a seguradora deve seguir uma normativa geral. Qual normativa? Onde pode localizá-la?
    a seguradora pode recusar o segurado sob quais justificativas e em qual prazo?

    • bobloiacono disse:

      Prezada Bruna,

      Obrigado por visitar o site da Appunto Corretora de Seguros e pela confiança em respondermos suas dúvidas.

      Primeiramente vamos defini o que é bônus. Trata-se de um desconto no preço da renovação do seguro que é concedido pelas seguradoras aos motoristas que não possuem acidente durante a vigência do seguro. Veja nossa matéria “O que é bônus no Seguro de Automóvel”

      Deste modo podemos responder que o ônus real do consumidor na perda dos bônus é financeiro. O consumidor que perde bônus pagará mais pelo seguro.

      Apesar dos seguros serem regulamentados pela Superintendência de Seguros Privados – SUSEP ela não faz determinações sobre os bônus. Veja texto da Susep extraído de seu site:

      O que é bônus?
      Trata-se de critério definido pela seguradora para permitir uma redução no valor do prêmio quando o segurado apresentar um número de anos sem sinistros. A SUSEP não define regras para a aplicação ou suspensão de bônus. Quando houver a previsão de bônus no contrato o mesmo deverá constar da proposta e da apólice.

      Veja esta definição e outras sobre seguro de automóvel, diretamente no site da SUSEP – http://www.susep.gov.br

      As regras para bônus são determinadas pelas Seguradoras em conjunto com a FENASEG – Federação Nacional das Empresas de Seguros Privados e Capitalização, que criou a Central de Bônus permitindo que o segurado possa manter o benefício adquirido na troca de seguradora. Veja também mais indormações sobre a Central de Bônus no site da FENASEG

      As Seguradoras podem recusar o segurado conforme seus próprios critérios e possui um prazo legal de até 15 dias corridos desde o protocolo/transmissão do seguro para fazer a recusa. Em geral nem mesmo o corretor de seguros fica sabendo o motivo da recusa por parte da seguradora.

      Entre os motivos mais comuns estão:
      – Apontamentos no Serasa, Cartórios de protesto, Associação Comercial
      – Multas em excesso
      – Excesso de sinistros

      Esperamos ter auxiliado em suas dúvidas. Conte com a Appunto para fazer a cotação de seus seguros.

  13. Ildemar disse:

    O meu seguro venceu, não renovei, e um dia após tive meu parabrisa quebrado, tenho direito a indenização, ou seja, existe alguma carência após o vencimento?

    • bobloiacono disse:

      Prezado Ildemar,

      Agradecemos sua visita ao site da Appunto Corretora de Seguros.

      Sentimos informar que não há nenhuma carência. Você não terá direito a indenização.

      Uma das principais funções do corretor de seguros é ficar atento para que seus clientes não percam o prazo de renovação de seu seguro.

      Lembramos que você ainda pode fazer a renovação de seu seguro e manter os bônus que adquiriu. Veja nossa matéria a respeito em “Regras para classes de Bônus em seguros de automóveis”

      Esperamos ter ajudado. Conte com a Appunto para cotar seus seguros através do e-mail contato@appunto.com.br

  14. Vanderlei disse:

    Boa tarde!
    Tenho bônus 10 e tive que acionar a seguradora por um sinistro que não tive culpa, pelo que vejo na regra de classes de bônus devo perder uma classe. Gostaria de saber se tem como calcular em valores reais a perda de bônus no seguro veiculo? Visto que irei no juizado para reclamar meus direitos junto ao real causador do sinistro.

    • bobloiacono disse:

      Prezado Vanderlei,

      Agradecemos sua visita ao site da Appunto Corretora de Seguros.

      O atual sistema de bônus dividido em 10 classes – Veja nosso post sobre Bôuns : Clique Aqui – não esta relacionado diretamente com descontos como no sistema anterior que possuía cinco classes de bônus e cada uma delas com um percentual de desconto.

      No Sistema de Bônus atual, existe o intercâmbio e aceitação entre todas as seguradoras, porém o desconto sobre a tabela varia entre as seguradoras.

      No seu caso seu corretor atual pode fazer uma simulação de quanto custaria o seu novo seguro (considerando a perda do bônus). Esta Simulação deve ser feita na seguradora atual e pode também ser feita em outras seguradoras, para que você tenha uma idéia de quanto perderá na renovação.

      Em sua ação considere:

      - O valor da Franquia que você pagou
      - A quantidade de dias que você ficou sem o veículo (despesas extras)
      - A perda do Bônus
      - Uma possível desvalorização do veículo no momento da revenda (se a colisão foi grande este dano será identificado pela loja compradora que certamente depreciará o preço)

      Esperamos ter ajudado. Conte com a Appunto para cotar seus seguros de veículos – baixe nosso formulário: Clique Aqui

    • Amaro Neto disse:

      Parabéns pelos esclarecimentos.

      Aproveito a oportunidade e gostaria de tirar uma dúvida:

      Bateram no meu carro, que possui seguro. O veículo que causou o acidente tem seguro mas o segurado não admitiu a culpa e diz que só pagará danos de terceiros (avisar a seguradora dele) após a conclusão de laudo policial de transito.

      Não acionei minha seguradora pois não tive culpa, pois o veículo estava parado e o outro condutor bateu atrás.

      Não queria ficar com o “histórico” de uma batida e perder bônus/pagar minha franquia, pois o condutor que causou a batida deverá ser “culpado” no laudo.

      Minha pergunta: vi que alguns sites indicam não informar sua seguradora se os danos forem cobertos pelo terceiro que ocasionou o acidente, dessa forma questiono se pode haver alguma implicação em relação a minha apólice.

      Agradeço.

      • bobloiacono disse:

        Prezado Amaro Neto,

        Antes de tudo pedimos desculpas pela demora na resposta, motivada por viagem de negócios do editor. Agradecemos sua visita ao site da Appunto Corretora de Seguros e pelos elogios ao nosso trabalho.

        Primeiramente Você deve analisar em função da extensão dos danos x tempo que você poderá ficar sem seu carro x custo do pagamento da franquia e perda de bônus.

        Se o motorista do outro veículo não assumir a culpa, a Seguradora que ele possui somente fará o pagamento de indenização após condenação.

        1 – Consiga cópia do boletim de ocorrência que deverá trazer alguma conclusão sobre o provável culpado. Atenção, muitos boletins somente trazem a descrição dos fatos. Se no boletim houver alguma indicação de culpa do outro motorista já é um bom caminho.

        2 – Você deve também tentar conseguir uma cópia da apólice de seguros do causador do acidente para verificar se possui seguro de responsabilidade civil. Quase todas as seguradoras fazem esta cobertura com valor em torno de R$ 50.000,00. Se ele não possuir esta cobertura no seguro, ficará difícil receber diretamente do causador e neste caso recomendo que você acione seu seguro.

        3 – Note que para acidentes sem vítimas (onde não houve crime) o boletim de ocorrência será apenas um documento administrativo. Você deverá então mover uma ação em juizado de pequenas causas e para isto é importante que você tenha testemunhas, fotos ou evidências que provem a culpa do outro motorista.

        Com base nas provas que você tiver a seguradora poderá propor um acordo para evitar que o processo se desenrole. Prepare-se para “gastar algum tempo” pois um processo deste tipo pode levar entre 45 e 90 dias. Vale aqui outra análise se vale a pena mover um processo ou usar seu seguro.

        Se o seu veículo for consertado pela outra seguradora, sem que você acione a sua seguradora, mesmo assim recomendamos que você faça um comunicado para a sua seguradora, que provavelmente solicitará uma vistoria. Se o conserto não tiver sido bem feito, e comprometer a segurança , a sua seguradora poderá recusar a continuidade do seguro por agravamento do risco.

        Esperamos ter ajudado em sua dúvida.Faça a cotação de seus seguros com a Appunto. Baixe aqui nosso formulário e encaminhe preenchido pelo e-mail contato@appunto.com.br

  15. Davisao disse:

    bobloiacono, vamos se por que meu seguro venceu, e eu não renovei, mesmo com ele vencido, eu posso passar o bônus que eu tinha para outra seguradora ? ou eu já perdi esse bônus, porque deve ter uma lei pra isso ou não ?

    • bobloiacono disse:

      Prezado Davisao,

      Antes de tudo pedimos desculpas pela demora na resposta pois estava fora da empresa em viagem de negócios, e agradeço por visitar o site da Appunto Corretora de Seguros.

      Se o seu seguro venceu, isto vai depender do prazo. Recomendo que você leia nossa matéria sobre “Regras para Classes de Bônus – Clique neste link.

      Esperamos ter dado alguma ajuda para esclarecer sua dúvida.Conte com a Appunto para Cotar seus seguros. Acesse nosso formulário (Clique Aqui) e encaminhe através do e-mail contato@appunto.com.br

  16. ELISANDRA disse:

    OLÁ, GOSTARIA DE ESCLARECER UMA DUVIDA:

    APOLICE EM NOME DA MÃE, BONUS 10 E PRINCIPAL CONDUTORA A MESMA, NA RENOVAÇÃO MUDA-SE O PRINCIPAL CONDUTOR PARA O FILHO DE 22 ANOS, MAS O SEGURO PERMANECE NO NOME DA MÃE, TEM ALGUMA ALTERAÇÃO DA CLASSE DE BONUS POR CAUSA DA IDADE DO NOVO PRINCIPAL CONDUTOR?

Leave a Reply